Parar e ficar naquilo que é

É difícil ficarmos parados, por vezes. Temos dificuldade em parar, como se ao acordarmos, reiniciamos a actividade e ela não pode parar. "Parar é morrer", diz a mente. Não gostamos de sentir determinadas coisas, no fundo, todas as que nos ameaçam. Emoções menos positivas, como medo, ansiedade, insegurança estão lá quase sempre connosco, a sensação … Continue a ler Parar e ficar naquilo que é

Os vários lutos que vivemos

Não entramos em luto só quando morre alguém, podemos entrar em luto por nós também. Luto é uma reacção a um processo de perda, seja ele qual for. Por todos os fins de ciclo, por todos os "renascimentos" que fazemos, por todas as transformações que nos pedem mais, diferente. Por todos os momentos que temos … Continue a ler Os vários lutos que vivemos

Porque nos mantemos em relações que não nos fazem bem?

Questões de autoestima, culpa e merecimento podem estar na origem. Quem tem pouca autoestima, pode manter-se em relações que não são boas porque também acha, mesmo que a um nível inconsciente, que não merece melhor, que não é possível ter melhor, que ninguém irá gostar de si e que o melhor é ficar como está. … Continue a ler Porque nos mantemos em relações que não nos fazem bem?

Todo o sintoma é a manifestação física de algo que precisa ser visto

Sintomas são dores, desconforto físico ou emocional, doenças, conflitos, medo, desconfiança, raiva, bloqueios, excesso de apetite, manchas na pele, alergias, o que seja. Há sintomas que são causados por factores externos, como poluentes, químicos nos produtos que consumimos, alimentação inadequada, falta de exercício, ou todo e qualquer mau hábito que se instala no nosso corpo, … Continue a ler Todo o sintoma é a manifestação física de algo que precisa ser visto

A hipnose como ferramenta (e não como cura)

Se espera ir a uma consulta de hipnoterapia e sair de lá curada, vai ficar desapontada. A hipnose não é uma "cura". A hipnose é uma ferramenta para se conseguirem resolver conflitos internos, gerir as emoções, ultrapassar medos e fobias, conseguir processar um luto, etc. A hipnose ajuda a sanar sim, ajuda a apaziguar, ensina … Continue a ler A hipnose como ferramenta (e não como cura)