Como lidar com esta pandemia?

coronavirus-4914026_1920

Sim, tenho estado em silêncio, tenho estado atenta, tenho estado a observar e a testemunhar o efeito desta epidemia que se transformou numa pandemia e os seus resultados. Tenho visto negligência, até minha, porque aguardamos até ao último minuto para nos precavermos. Só quando vemos que a infecção está próxima de nós é que tomamos medidas e nos preocupamos verdadeiramente. Isso aconteceu comigo. Quando estava longe parecia mentira.

Tenho visto também muitas mensagens contraditórias e comportamentos não compreensíveis por parte do governo, na tentativa, talvez, de não alarmar a população. Acho que todos conseguimos perceber que a atitude correcta teria sido fechar fronteiras e pronto, continha-se a infecção. Mas não, preferiu-se deixar chegar a infecção cá e só depois colocar em quarentena espaços onde houve situações declaradas de infecção. Todos esperámos para ver no que ia dar, agora está aqui, a situação que todos temíamos.

Não é novidade, na história da humanidade, estes surtos de vírus “desconhecidos” para os quais não há tratamentos nem vacinas específicos. Todos estes vírus tem uma taxa de mortalidade elevada por isso mesmo. Até se descobrir a “cura”, ou a fórmula para a contenção do vírus, vamos padecer dele, quem ficar infectado e quem espera não ficar mas que está em risco também.

Nestes casos, e considerando que vivemos na era da informação digital, podemos seguir canais seguros e de informação fidedigna, seja no Facebook, no Instagram, páginas e sites de notícias, de entidades nacionais e internacionais de saúde, como a DGS, SNS, OMS, entre outras. Fiz uma publicação sobre o assunto no Facebook e no Instagram a respeito. Há uma linha, a SNS 24, e um email associado, para responder a dúvidas sobre a infecção COVID19 e para accionar em caso de suspeita de infecção, que deve ser utilizada em vez de recorrer aos centros de saúde ou hospitais, numa medida de contenção do vírus, onde profissionais de saúde irão dar as indicações necessárias.

Há também uma linha da segurança social para onde podemos ligar em caso de dúvidas sobre os nossos direitos em caso de quarentena, baixa e assistência a familiares. Também fiz uma publicação sobre o assunto nas duas redes sociais mencionadas acima. Existem também vários artigos à disposição sobre o assunto que pode consultar em caso de dúvida que explicam tudo direitinho, incluindo para trabalhadores independentes.

Nestes casos muita calma e prudência são necessárias. Devemos ter informação correcta disponível e seguir as normas e procedimentos de segurança. O vírus é novo e, como tal, ainda está em estudo, mas algumas regras de higiene e etiqueta respiratória são procedimento básico neste tipo de infecções (infecções respiratórias). Evitar aglomerados de pessoas igual. Quarentena não significa que tem de ficar barricada em casa, pode sair se necessário, evitando, contudo, sítios com muita gente, devendo lavar/desinfectar as mãos várias vezes ao dia, evitar mexer nos olhos, nariz ou boca e espirrar para o antebraço ou para um lenço, que deve ser imediatamente jogado fora.

O uso das máscaras deve ser limitado a portadores do vírus ou com suspeita de infecção, bem como a pessoas que cuidem de outras. Também fiz uma publicação nas redes sociais sobre o assunto. Não devemos estar a sobrecarregar o sistema nacional de saúde com compras de bens essenciais ao bom desempenho das equipas médicas e de enfermagem que lidam directamente e diariamente com estes casos. Eles sim, precisam desse tipo de material.

Deverá manter as suas rotinas dentro da normalidade, cumprindo com as regras mencionadas acima e de acordo com as autoridades de saúde, fazer actividades de lazer e bem-estar, porque ficar em casa não pode ser sinónimo de estar a acompanhar as notícias a todas as horas do dia. Pode ler, meditar, descansar, falar com amigos e familiares pelo telefone e redes sociais, mantendo-se em contacto, continuar a fazer exercício físico, etc. Pode sempre ir passear para o campo, ir dar uma caminhada ou uma corrida, há por aí muitos sítios sem aglomerados.

Deve também ter alguns mantimentos em casa, para evitar ir muitas vezes ao supermercado. É desaconselhado levar mantimentos para vários meses uma vez que torna-se difícil a reposição e reforços constantes e diários dos próprios supermercados, visto que uns podem estar a levar em excesso para depois outros não terem o essencial. Há que ser consciencioso nestas alturas e não entrar em histerismos. O mundo não está a acabar, não é o apocalipse. É uma situação de emergência internacional, sim, mas pode ser contida com os cuidados mencionados acima.

Em caso de necessidade de apoio psicológico, há muitos profissionais preparados para dar resposta a esse apoio através de vídeo chamada, seja por computador seja por telemóvel, utilizando-se aplicações como o Skype, o WhatsApp e o FaceTime, por exemplo. Eu estou preparada para dar essa resposta, através dessas plataformas, cujas consultas têm a mesma eficácia do que em gabinete. Mesmo que tenha consulta presencial marcada comigo para breve, essa pode ser substituída por consulta virtual, e é o mais sensato fazer neste momento. Se for esse o caso, irei entrar em contacto consigo brevemente a sugerir essa alteração.

Até ver, todos somos agentes de saúde pública neste momento, e só podemos fazer aquilo que está ao nosso alcance para conter a disseminação da infecção e resguardar os nossos, principalmente se normalmente estamos em contacto com muitas pessoas diariamente, evitar estar com amigos e familiares debilitados fisicamente ou que tenham problemas de saúde, para evitar o risco de possível contágio. Como sabem, a infecção por este vírus apresenta uma fase assintomática, em que não estão evidentes quaisquer sintomas, ou estes podem ser confundidos com uma gripe, constipação, rinite, sinusite ou crise de asma.

Veja as recomendações da Ordem dos Psicólogos acerca deste tema:

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s