A todas as mulheres que estão sozinhas

couple-4604075_1920

Acompanho muitas mulheres que, por algum motivo, não conseguem ser felizes no amor, encontrar ou manter um relacionamento estável, feliz, equilibrado e continuado no tempo. Mulheres que, consecutivamente, se vêm em relações em que não são reconhecidas, aceites, assumidas, amadas ou respeitadas. Mulheres que, subitamente, vêm as suas relações terminadas, sem explicação aparente, sem conseguir perceber o que correu mal e porque razão não conseguem manter relacionamentos, por mais que queiram e que se esforcem nesse sentido.

Falo de mulheres inteligentes, capazes, independentes financeiramente, que são formadas, muitas delas realizadas profissionalmente, que cuidam de si, da sua imagem e do seu corpo, que têm interesses variados, disponíveis, mas que, inexplicavelmente, não consegue alcançar os seus objectivos de relacionamento, quer seja iniciar ou manter um relacionamento. Ou experienciam situações de homens que não estão disponíveis emocionalmente, mesmo que estejam eles mesmos sozinhos, ou situações de homens que já estão num relacionamento mas que as procuram paralelamente, ou situações em que o homem parece muito interessado, disponível e apaixonado, mas, por alguma razão, subitamente perde o interesse e desaparece sem deixar um motivo.

Para todos esses casos, e para todas as mulheres que se perguntam porque só têm situações dessas, a solução é a mesma:

  1. Se o homem já tem mulher/namorada – saia ou nem entre nesse relacionamento.
  2. Se o homem não está disponível emocionalmente e se você procura uma relação – saia ou nem entre nesse relacionamento.
  3. Se o homem desaparece misteriosamente – é porque não está disponível para um relacionamento consigo – saia e não volte a entrar nesse relacionamento.

Para esse padrão de (não)relacionamentos, há que procurar as causas, porque elas existem, venham de si e de situações não resolvidas interiormente, autosabotagem (acreditar que não é possível ser feliz no amor, por exemplo, ou, bem lá no fundo, ter medo da intimidade, da vulnerabilidade ou do compromisso), ou mesmo situações familiares que está a repetir sem conseguir perceber (e essas situações podem até nem vir do pai e da mãe mas sim de outras mulheres da família com quem está, inconscientemente, identificada).

Se se identificou com o que escrevi até aqui, o resto do texto é para si:

A todas as mulheres que já sofreram ou ainda sofrem, e que poderão estar a vivenciar uma experiência que, venha de vidas passadas, venha do feminino ferido colectivo ou da transgeracionalidade a que pertencem, há coisas com as quais nos identificamos a um nível muito profundo, inconscientemente, que podem ser de outras mulheres antes de nós, como a perda, a dor, a solidão.

Há que libertar-nos de pesos e experiências que não são nossos, que não fomos nós que o vivenciámos muitas das vezes, mas repetimo-lo, por amor cego e por lealdade inconsciente. Estas frases são de libertação de todas as amarras que não lhe pertencem a si, nem têm de pertencer mais:

Queridas mulheres

As que perderam maridos, namorados, amantes

As que nunca encontraram o amor

Que nunca se apaixonaram

Que têm o coração fechado

Ou que têm medo.

Eu sei

Eu Vejo-Vos

Eu Sinto-Vos

Sei onde estão,

Onde estiveram.

Sinto muito que se sintam assim

Também eu já me senti assim

Também já eu estive aí

Mas depois percebi que não tinha de ser mais esse o meu Lugar.

Escolhi outro.

Deixo-vos com o lugar que é vosso por direito, por legado ou escolha.

Não posso mais vivê-lo com vocês

Nem convosco, nem por vós.

Por todas as mulheres que fui

Por todas as mulheres que foram antes de mim

Pelas que viveram e perderam

E pelas que não puderam viver.

Honro-Vos

E devolvo o que é só vosso.

Hoje faço diferente

Hoje vivo diferente

E assim está certo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s